Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Asas Chamuscadas

Também desejo calar sempre...
ou me esconder definitivamente dessa angústia
de me destilar em desenhos e rabiscos...
É assim que também me aproximo do fogo -
qual borboleta - para queimar minhas asas...
Mas, tal qual ela, luto desesperadamente
pra me afastar dessas chamas...
e quero que se esqueçam de mim,
ou eu mesma me esqueça... aqui dentro...
No entanto, o bramir de minhas penas,
para o voo, não cala...
e, por isso, continuo me aproximando do fogo...
para novamente queimar minhas asas...
Maria
Enviado por Maria em 05/08/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários