Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


Urgências

De que me adianta saber desenhar tão bem os sentidos, os quereres, os sonhos em seus profundos laços poéticos? É preciso poder vivê-los na plenitude de suas possibilidades e in(certezas) de caminhos. E essa memória estranha que trago nos olhos que pululam a luz de minh'alma? É o sonho que deita e adormece enquanto vagueia a busca da felicidade? Deveras, meus poemas são sempre de sentimentos urgentes...
Maria
Enviado por Maria em 25/03/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários