Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Passos de Fragilidades

Por isso, tantas vezes ando estradas
com passos medrados de fragilidades...
em direções perdidas até de mim...
sem pensar a impermanência das coisas,
sem medrar silêncios sobre a realidade do tempo...

Então, em meio ao tempo dos tempos,
ouço o badalar que devolve a consciência
entre a distração e o pensamento
que se perde na reflexão...

Mas tu sabes, que tantas vezes
ando estradas com passos
medrados de fragilidades...
em direções perdidas até de mim...
Maria
Enviado por Maria em 19/05/2018
Alterado em 19/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários