Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


Porta de Emergência

Se cruzo os portões de Álamo
ou me perco nas planícies de Belgrado...
Se, guerreira, defendo meu forte
ou me banho solícita na confluência de Sava,
é porque também tenho uma porta de emergência
pras madrugadas de muito empenho
pra deixar tudo e não ser mais nada...
É, penso que também sei abrir portas
e fechar janelas de puro abismo...
Por isso, conheço bem aquele jardim
de margaridas inócuas e alento árido...
mas, sou flor de pétulas hercúleas
e também tenho uma porta de emergência
pra fugir de procelas interiores...

Poema e foto:
Maria
Enviado por Maria em 26/07/2018
Alterado em 26/07/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários