Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


Noite em Ventania

Deito o olhar sobre o mensageiro da noite
que chega qual vagão de nuvens
sobre os trilhos mortos,
chacoalhando solidões...
A íris azul-violáceo escurece
na face enternecida de crepúsculos.
E quem pode saber a profundidade das angústias?
São perguntas que não calam,
que se agitam como bandeirolas ao vento
no alto das abóbodas do céu...
Sobrevivo ao temporal!
A poesia é bálsamo na tela clássica
da noite em ventania...
Maria
Enviado por Maria em 23/09/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários