Maria
Prosa e Poesia
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Paz e Acalanto
E se ainda mereço Senhor,
quero a ternura
tocando meu coração,
transformando minha vida,
a felicidade invadindo
cada recanto de mim.

Peço que minha vida
seja vivida na honestidade
e na sinceridade,
mesmo que ela machuque
e desestruture minha alma.

Dá-me a paz e acalanto,
e que possa ser assim
como uma águia que
acalenta seus filhotes,
carinhosa e meiga,
e que a esperança esteja
sempre presente em minha vida.

E se alguém precisar
de um ombro para chorar
ou recostar seu corpo cansado
que meu coração
possa saber sacrificar
a si próprio por amor
a esse alguém que busca
um sorriso sincero
e um abraço amigo.

Senhor torna-me cativa
de teu amor e de tua paz,
sela minha vida
com a alegria
que flue de Ti
e deixa-me transbordar
da tua felicidade...
Maria
Enviado por Maria em 15/09/2007


Comentários