Maria
Prosa e Poesia
Capa Textos E-books Fotos Livro de Visitas Contato
Textos
(Des)Encontro
As asas se abrem e miram alturas inatingíveis. Vou lá me achar. Mesmo o desencontrar das horas, as angústias do tempo. É simples: eu me encontro assim, num toque de desencontro, num voo em busca de luz, sombra e paz...
Maria
Enviado por Maria em 22/07/2015
Alterado em 23/07/2015
Comentários