Maria
Prosa e Poesia
Capa Textos E-books Fotos Livro de Visitas Contato
Textos
Respirar dos Abismos

Meus abismos respiram pelas margens das palavras,
e por impossibilidades de voo, é assim
que meu amor reverbera em ti...
Se falo por reticências, silêncios e pausas...
é porque de outro jeito não sei dizer... não sei...
mas sei que as raízes são profundas
e não se prendem às preocupações com regras, métricas...
só querem estender meus braços... tocar-te...
e respirar amor pelas margens das palavras...
Maria
Enviado por Maria em 06/08/2019
Alterado em 06/08/2019
Comentários